Meninas Nerds: ficção ou realidade?!

Ou “As dificuldades na vida de uma menina nerd“. Mas vai ficar esse título mesmo, porque foi a ideia inicial (o post foi meio que saindo da linha inicial de pensamento aí virou o que é…).

A ideia mesmo era questionar os questionamentos acerca da existência desses seres que muitos consideram quase como mitológicos, por conta – muitas vezes – da dificuldade em se encontrar alguém do sexo feminino que se encaixe nos padrões nerds atuais (eu, pelo menos, só encontrei efetivamente quando cheguei à faculdade…). Mas aí acabou virando um post explicativo dos motivos de uma menina nerd não ser reconhecida tão facilmente…

O primeiro problema dentro desse tema é o problema da definição. Todo mundo deve concordar atualmente que definir nerd ficou um tanto quanto confuso. Você pode ter várias definições para definir nerds, principalmente considerando que muitas pessoas acreditam que são nerds e acabam formulando um tipo de conceito que se encaixe com o seu padrão psicológico/comportamental e tals.

Uma coisa dessas coisas que tem causado confusão [?] é quanto ao comportamento escolar, aos gostos e à área com a qual a pessoa suspeita de ser nerd pretende seguir. Nesse caso, que é a meu ver um pouco complicado, se encaixariam na definição de nerd todo aquele ou aquela que se interessa por áreas que envolvam as matérias chamadas de exatas – ou algo do gênero. Como áreas onde a matemática e a física, por exemplo, serão fundamentais. Nesse caso, todo aquele aficionado por curso como as engenharias seria considerado como um grande nerd.

Outra definição, a que envolve comportamentos, apregoa que nerds seriam seres antissociais, que passam tempo demais fazendo coisas com as quais as pessoas ditas normais passam apenas um terço (ou bem menos) comparado ao tempo usado por nerds. E ainda existem mais outras definições que poderiam se encaixar nessa categoria, como comportamento exemplar em sala de aula, atenção a todas as aulas, sentar na primeira cadeira, às vezes saber mais que o professor, tirar notas excepcionais, ser um chato quando o assunto é a famosa cola e coisas do gênero.

E uma última categoria de definição poderia ser apresentada com relação aos gostos… Pessoas nerds gostam de revistas em quadrinhos, mangás e animes, livros, vídeo-games, computadores (coisas eletrônicas em geral) e blá, blá, blá.

Algumas vezes os vários tipo de conceitos se misturam, formando novos conceitos de “nerd”: novos conceitos podem envolver comportamentos e gostos, ou gostos e área de interesse (que acaba entrando em gostos, quer queiram, quer não) e então temos as mais variadas definições de nerds que existem hoje em dia.

Mas eu não estou aqui para falar sobre definições, embora tenha feito isso há pouco…

Muitos se perguntam onde andam as meninas nerds ou se elas realmente existem e, dependendo do conceito que cada um tem, as respostas para essas perguntas podem variar muito (a maioria delas negativa para a segunda pergunta, eliminando a chance de a primeira ocorrer).

Por exemplo. Se você considera só o aspecto gosto por quadrinhos/mangás pode ser um pouco complicado (ou não – muitas vezes depende da área geográfica em questão). Se você considera as pessoas que gostam de livros (muito) elas podem ser mais fáceis de encontrar. Se você quer acreditar que nerds são tímidas e antissociais, acredito que não haverá dificuldade. Se o caso for pessoas que gostam de vídeo-games, meninas que gostam desse tipo de coisa vão existir, mas encontrar é bastante complicado, porque elas não vão sair espalhando isso ao vento! Agora, se você procura meninas nas engenharias da vida, vai ser um pouco (muito) mais complicado ainda…

Se você procura isso tudo, parabéns, você talvez esteja buscando uma coisa bem rara (ou até mesmo impossível – dependendo da área geográfica em questão²), porque juntar todas as qualidades citadas acima em uma só pessoa é tão difícil quanto encontrar uma agulha no palheiro, pense bem.

O que já não é tão complicado é procurar pessoas com a maioria dessas qualificações. A história toda muda, sob esse ponto de vista e então é bem mais simples encontrar a menina nerd que você, nerd ou não, procura (mas aí você, obviamente, deve procurar alguma com algum interesse em comum se quer ter algum envolvimento amoroso, digamos assim).

Outro ponto que ajuda a dificultar a percepção desse tipo de pessoa na sociedade é a diferença que existe no tratamento para homens e mulheres. Acho que as pessoas sempre esperam coisas das garotas, determinandos tipos de comportamentes, gostos por coisas padrão, que toda garota deveria gostar e que não necessariamente uma garota nerd vai poder oferecer. As pessoas não esperam que as garotas gostem de vídeo-games, que elas gostem de histórias em quadrinhos. Na maioria das vezes a menina nerd pode se mostrar como uma garota perfeitamente “normal”, como qualquer outra, interessada em maquiagem, sapatos, roupas, caras, coisas do gênero, enquanto os meninos estão mais propensos a serem aceitos por aí como jogadores de vídeo-games “compulsivos”.

Tente ser uma garota com as características de uma garota nerd por aí e as pessoas te olham feio, ou, no mínimo, vão dizer que você precisa é de um namorado para abandonar todas essas besteiras. Podem dizer que você provavelmente vai deixar de gostar de tudo isso em pouco tempo, ou pelo menos vão criticar comparando você com a filha da fulana que é bonita, educada e prendada (inclua aqui todas as atividades domésticas que com certeza a filha da fulana saberá fazer). Outro ponto ruim de se mostrar como uma menina nerd é a falta de compreensão de outras garotas não nerds que só querem saber de coisas fúteis… E elas vão olhar mais torto para você do que qualquer pessoa que você conheça. Ah, e as pessoas podem achar que você está ficando louca também o que sempre garante comentários nas suas costas de seus familiares ou de quem quer que seja…

Por esse e outros motivos eu acho que: sim, garotas nerds existem; sim, não é uma coisa exclusiva de garotos; e sim, você só precisa de um golpe de sorte para que uma garota aparentemente qualquer acabe revelando seus talentos e gostos ocultos… E para a decepção de alguns fãs desse tipo de garotas, existem aquelas que somente fingem ser nerds com segundas intenções… Mas aí já é outra história.

Ah… Sinto-me como se tivesse lavado a minha alma explicando isso (coisa que eu já deveria ter feito há um bom tempo)…

É isso por hoje, acho.

Anúncios

8 pensamentos sobre “Meninas Nerds: ficção ou realidade?!

  1. Ana-chan! disse:

    HELL YEAH! nem tem o que comentar, na verdade… Ta tudo aew mermo… XD

  2. Rafael Hythloday disse:

    A questão para se definir se a pessoa é ou não nerd é bem complicada. Mas duas caracteristicas a pessoa em questão deve ter. A primeira é baixa frequencia de interação social. Acredito que esta seja a principal. A segunda é o gosto em buscar conhecimento (seja em ciências exatas ou humanas).
    Na posição geografica e temporal em que estou meninas nerds são bem raras. Existe ainda o fato de que elas preferem não ser encontradas. Mas este provavemente é o meu caso também.
    Isto é estranho. Algum dia talvez eu entenda.

  3. Lili disse:

    Enfim eu gostei bastante do texto, e grande parte do que você mencionou é o que gosto.Desde meus 7 anos tenho um comportamento “antisocial! por conta de eu nao me enquadrar aos padrões das garotas “normais”. Já fui vitima de muitas brincadeiras de mal gosto ( que hoje é conheçida como Bulling), mas confesso que é difícil encontrar garotas nerds, faço biomedicina, faço curso de programação de computadores e web design ( photoshop e corew draw, adoro física quantica, e estou também fazendo um curso de anatomia médico legal, tirando que toco violino, cantei num coral lirico por 4 anos, representei a escola em que estudo num forúm Mundial de educação tecnológica apresentando um projeto, no qual eu fui a única menina que permaneceu no semestre.Nao quero me amostrar pelas qualificações, mas quero mostrar que nem sempre gosto de ser “encontrada”, por conta de pequenos traumas passados =/

  4. Lucas Masotti disse:

    Garotas nerds… A eterna busca, ou a eterna lerda. HAHA.
    São raras mesmo, mas nunca tinha parado para pensar o outro lado… Como a sociedade vê e interage com uma garota que se diz ou age como nerd, contrariando todos os “padrões”… Se parar para pensar, não é fácil mesmo…
    Recentemente falei por MSN com uma “nerd gamer” nos EUA (claro, tinha que ser lá ¬¬”). Ela falava dois idiomas, tocava uns quatro instrumentos, e tinha todos os video games de última geração. Aqui no Brasil não sei se tem esse tipo, mas as vezes acho que elas meio que se “escondem”, ou não querem aparecer. Como foi falado no post ^^

  5. Jheniii disse:

    Geralmente essas meninas tem um irmã mais velho e vou te conta conheço duas…
    Não acredito que sejam tão raras, dependendo do que gostam…as que eu conheço são lokas por anime, video-game, livros, entre outras coisas…
    Eu queriam tanto me enquadrar num padrão nerd, mas fazer o q?
    Ahh!!! e tbm axo q num se escondei não, algumas podem ser antissocial e tals, mas se esconder pra q? a interação com os ninos nerds eh fortissima!!!

  6. bhia_lowe disse:

    Oie acho que todo o problema em se encontrar uma garota nerd esta na exteriotipação. Mas claro que existem, eu sou (os outros dizem) nerd e sou (com toda certeza) uma garota srsrsr e conheço muitas outras.
    Depende do tipo de nerd que se procura, por exemplo existe um numero bem menor de garotas geek do que garotos…mas existem, é só procurar

  7. bob disse:

    sera que sou nerd???? m acho tao burra e….. 😦

  8. Ju disse:

    E por que uma garota se fingiria nerd com segundas intenções como vc disse? seria pra poder pegar um nerd? rsrs

    abç.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s